segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016


Entenda seu cabelo!



Para saber qual a necessidade dos nossos cabelos, precisamos entender do que ele é composto, assim tudo se torna mais fácil.

A fibra capilar é formada por células mortas compostas por uma proteína chamada queratina, produzidas por outras células chamadas queratinócitos que se encontram no bulbo, na derme do couro cabeludo. Um dos componentes da queratina é o aminoácido cisteína.

O fio de cabelo poderia ser comparado a um lápis, onde o grafite seria a medula, a parte de madeira seria o córtex e a parte mais externa (a cor do lápis) seria a cutícula.
Fonte: google imagens
As cutículas tem cerca de 5 a 10 camadas de espessura, formando uma superfície plana que se mantém unidas através das ceramidas, os lipídeos intercelulares. São responsáveis pela entrada e saída de água, funcionam como uma camada protetora para o Córtex e a Medula.

Quando essa camada mais externa sofre algum tipo de agressão, as cutículas ficam danificadas e expõe o córtex (o que deixa o fio quebradiço). O córtex é responsável pela força e elasticidade do fio, é uma camada composta de feixes de queratina repletos de grânulos de melanina e unida por uma “cola” biológica.

A medula é a parte nuclear do fio, nela encontramos as células gordurosas e é repleta de componentes porosos, desconhecendo-se ainda qual a sua utilidade.

Além de queratina, melanina e cerâmicas, o cabelo contém água, pentoses, fenóis, ácido glutâmico, valina, leucina, cobre, zinco, ferro, manganês, cobalto, cálcio e alumínio.
Bom, assim podemos encontrar no mercado máscaras de tratamentos para finalidades diferentes como a hidratação, a nutrição e a reconstrução, entendendo nosso cabelo, saberemos do que ele precisa na hora de adquirir o produto certo.
Muitas vezes compramos uma máscara e parece não funcionar, culpamos a qualidade do produto, mas muitas vezes ele não funcionou porque aqueles nutrientes não eram a necessidade dos nossos fios.

Fonte: google imagens.

Para cabelos ressecados e sem brilhos:
Hidratação – vai repor a água dos nossos fios, vão deixar os cabelos sedosos e brilhosos. São produtos que em sua composição contém aloe vera (babosa), pantenol, açucares, vitaminas.

Para cabelos com frizz e desalinhados:
Nutrição – vai repor a oleosidade natural dos fios e podem ser usados mesmo em cabelos oleosos, pois em sua composição contém óleos ou manteigas de origem vegetal. São produtos compostos por manteigas (karité, abacate, cacau…) e óleos (argan, macadâmia, oliva, côco). Também podem ser utilizados óleos extra virgem e 100% vegetais, da raiz dos cabelas até as pontas, técnica conhecida como umectação.

Para cabelos quebradiços, porosos, que perderam o volume:
Este último serve para repor a queratina perdida, repor massa, deixando o cabelo mais forte. E ao contrário do que se espera, o procedimento não deixa os cabelos macios logo após o uso e por isso não pode ser feito com frequência, pois pode ocasionar a quebra por excesso de rigidez.
Os produtos usados nessa etapa contém creatina, queratina, proteínas, colágeno, arginina, cisteína, trigo ou proteínas hidrolisadas.

Antes de qualquer um desses processos, exceto a umectação, os cabelos devem ser lavados somente com shampoo (de preferência somente na raiz e deixando ele escorrer pelo comprimento sem friccionar, para não ressecar ainda mais os cabelos) para abrir as cutículas e receber o tratamento necessário. Ao retirar o excesso de água com uma toalha, a máscara deve ser aplicada como indicado na embalagem e após a retirada deve ser condicionado para selar as cutículas.

Pronto! Percebendo seu cabelo, torna-se muito mais fácil de cuidar e com os resultados de tornará uma tarefa agradável!


Beijos
Carolina


Fonte:
http://cabelosderainha.com.br/cronograma-capilar-o-que-e-e-como-funciona/








Um comentário:

  1. Perfeito esse texto! Agora tá faltando um pra explicar aquele cronograma capilar :D

    ResponderExcluir